Agenda de pesquisa científica em Covid-19 é tema do próximo evento da Rede Covida

Especialistas se reúnem com pesquisadores do Cidacs em webinário que também tira dúvidas por parte do público

Após debater sobre vacinas, o futuro do SUS, o papel das variantes na pandemia, entre outros, a Rede Covida reúne se para dialogar sobre questões que são cruciais em relação à pandemia na atualidade, especialistas e pesquisadores do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs) . Desta vez, o tema do evento, que ocorre no dia 12 de maio, às 15h30, será “Construindo uma agenda de pesquisa para a Covid-19: o que e por que é necessário continuar pesquisando Epidemiologia e Sistemas de Saúde?”.

Os convidados desta edição são os pesquisadores Gulnar Azevedo, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Margareth Portela, da Fiocruz, Maria de Fátima de Albuquerque, do Instituto Aggeu Magalhaes (Fiocruz Pernambuco). Eles serão moderados pela participação de Sinval Brandão, Instituto Aggeu Magalhaes/Fiocruz Pernambuco, e Ligia Kerr, da Universidade Federal do Ceará (UFC).

De acordo com o coordenador do Cidacs, Maurício Barreto, o evento ocorre em meio ao impacto que a pandemia de Covid-19 causou na saúde pública, levando a vários aprendizados e novos desafios. Entretanto, muitos aspectos desta nova doença ainda são desconhecidos, entre os quais se destacam no campo da epidemiologia e da saúde pública, as mudanças de comportamento relativas às medidas não farmacêuticas, à vacinação, as tendências recentes no comportamento da pandemia e sua endemização. “É uma ótima ocasião para discutirmos o que aprendemos na resposta e no enfrentamento pelo SUS e os novos desafios para os sistemas de saúde e a saúde da população. Além de muitos outros tópicos que serão abordados, nesta dinâmica que permite um grupo de especialistas e não especialistas refletirem e discutirem sobre estas importantes questões, que nos afligem e que todos nós buscamos respostas”.

Entre os pontos que serão discutidos na ocasião, estão as seguintes questões: os determinantes dos diferentes comportamentos da pandemia em diferentes momentos e lugares, as condições para o surgimento da Covid-19 e novas potenciais pandemias, a avaliação do impacto das medidas não farmacológicas, os fatores que interferem na percepção e respostas da população, os efeitos da pandemia sobre o SUS e atenção à saúde, além dos efeitos da pandemia sobre à atenção de doenças crônicas, transmissíveis e não transmissíveis. Para participar, basta acompanhar a transmissão do evento, através do canal oficial do Cidacs, no Youtube.

 

Edição: Karina Costa

Deixe um comentário